Os Barbixas – Improvável – Mortes Improváveis (Maurício Meirelles e Gustavo Miranda)

0:00
“Mortes Improváveis”!
0:02
Jogam Gustavo, Andy e Elidio. Por favor, aqui na frente.
0:07
Eu vou pedir, deixa eu ver… Você, a primeira da frente.
0:10
Me fala um sentimento.
0:13
Ansiedade. Ansiedade é bacana.
0:14
Eu vou pedir pra você com camisa listrada. Me fala uma comida.
0:20
Sushi é a comida. O objeto eu vou pedir pra você de chapéu…
0:27
Celular. Bacana. Então, o que acontece?
0:30
Nesse jogo, eles vão improvisar uma cena, e essa cena só termina quando os três morrerem.
0:37
E o Gustavo vai morrer de ansiedade.
0:41
O Anderson vai morrer de sushi.
0:43
E o Elidio vai morrer de celular.
0:46
Então é o “Mortes Improváveis”, e começa agora.
0:54
Amor… Os exames ficaram prontos…
0:57
Vamos ver um cinema, não sei. Queria me animar um pouco.
1:02
Estou com um pressentimento… Estou meio ansiosa, sabe?
1:08
Sei, amor… Mas vamos assitir aquele filme que a gente alugou ontem!
1:13
Vamos.
1:14
É melhor…
1:17
– Aquele de aventura? – É.
1:25
Acharei aquele bastardo!
1:27
Calma, amor. É um filme. [tiros]
1:31
– Nãããooo… – Vai, vai, vai!
1:34
– [ruídos de luta] Ró! Fú! Fó! – Fó-fó-fó!
1:51
[barulho de carro]
1:58
Droga!
2:06
– Esse filme é ridículo, né… – Não, é muito interessante!
2:11
– Eu sou… – Ele é…
2:12
[sotaque gaúcho] O rapaz de Porto Alegre, tchê!
2:15
Ninguém mexe comigo!
2:17
[feminino] Ah! Me salve! Me salve!
2:19
– Xi, ela está amarrada! – Cuidado! Tudo isso foi uma armação, Johnny!
2:24
Como?
2:25
Eu não caio nesse tipo de armação. Eu vim so sul… Xii! [tiro]
2:30
‘Sul-Xii’! [tiro]
2:45
Amor, o filme é muito ruim!
2:48
[ansioso] Não, é muito bom! Eu preparei sushi pra comer para o jantar!
2:53
– Amor, eu vou desligar isso, você tá muito ansiosa… – Não! Pra quê?
2:59
Amor, desse jeito eu nem vou te falar o resultado dos exames!
3:01
Exames? Ai, exames?
3:09
– Amor, não… – ‘Farinha’.
3:14
Amor, eu já falei pra você parar de cheirar farinha de trigo!
3:18
Isso vai entupir todo o seu pulmão!
3:27
[em câmera lenta] Amoooor!
3:30
[impacto] [esguicho]
3:34
Ai, estou morrendo! De ansiedade!
3:38
[impacto]
3:48
[chorando] Amor! Não, amor!
3:50
Eu preciso te falar!
3:53
Eu também estou morrendo!
3:56
[tosse] Eu acho que você catalisou um processo, amor!
4:03
Os exames…
4:04
Eu estou com uma doença celular!
4:08
[campainha e aplausos]
4:17
Eu queria aplaudir… Por favor, calma…
4:21
Foram os trocadilhos mais forçados da história. Do mundo!
4:26
Por favor! [aplausos]
4:29
Aplausos em pé por esses trocadilhos, parabéns!
4:35
Merecem!
4:41
Muito bom!
4:43
Gente, eu gostaria de agradecer a todo mundo.
4:45
Só informar que vai ter um coquetel, vai ter pavê lá fora…
4:48
É ‘pavê’ ou ‘pacomê?

Por

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s